Políticas

 

Política de Dossiê

No início de cada ano, serão publicadas as chamadas de dossiês cujos responsáveis, com o título de doutor (a), serão pesquisadores (as) nacionais e/ou estrangeiros (as) pertencentes a instituições de ensino superior. Preferencialmente, um dos organizadores deve estar vinculado a um Programa de Pós-graduação.

Se os (as) organizadores (as) de dossiês integrarem unicamente universidades brasileiras, no mínimo, dois/duas investigadores (as) devem ser de instituições de regiões distintas do País. Além disso, destacamos que os (as) responsáveis por um dossiê não poderão publicar artigos de sua autoria no número sob sua responsabilidade.  

Aos proponentes de dossiês, cabe: a definição da ementa, o auxílio na divulgação da chamada, a apresentação do número, a organização dos artigos durante a editoração e o auxílio à equipe de gestão da REHAL e ao (à) Editor (a) de Seção na distribuição dos artigos recebidos para avaliação às cegas por pares. 

 

Política de Seção Livre

A seção livre, de natureza atemática, receberá, independentemente da abordagem de pesquisa, em fluxo contínuo, artigos, squibs e relatos de experiência dentro do escopo do periódico. 

 

Endogenia 

O quantitativo de trabalhos de pesquisadores vinculados à Universidade Federal do Pampa não excederá o percentual de 30% do cômputo geral de artigos, squibs e relatos de experiência publicados para cada número dos dossiês e de seções livres. Caso o total de trabalhos aceitos seja superior ao percentual estabelecido, poderá haver a publicação dos trabalhos excedentes em edições futuras. Além disso, com o intuito de que haja o conhecimento da REHAL pela comunidade acadêmica e a possibilidade de divulgação de trabalhos científicos por parte de pesquisadores (as) pertencentes a diferentes regiões do País e do exterior, haverá uma série de ações destinadas à difusão do periódico em diversos Programas de Pós-graduação e nas redes sociais.

 

Política de Privacidade

A Revista de Estudos Híbridos na Área da Linguagem trata os dados pessoais dos autores de acordo com a Lei Geral de Proteção de Dados brasileira (Lei nº 13.709/2018). Em virtude disso, os dados pessoais informados a este periódico serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.

 

 

Política de inclusão

A REHAL tem como política democratizar o acesso às suas produções.Tendo como premissa o Desenho Universal, almeja-se que o conteúdo publicado pelo periódico possa atender a múltiplos usuários, incluindo pessoas com deficiência. Para tanto, requisitos de acessibilidade devem ser contemplados na produção dos textos a serem submetidos. Além disso, o  periódico aceitará a submissão de artigos no formato de vídeo em LIBRAS.  

 

Política de Ética

A Revista de Estudos Híbridos na Área da Linguagem adota a Política e as Boas Práticas propostas pelo Text Recycling Research Project e reserva-se o direito de excluir submissões e/ou solicitar modificações em artigos em que seja detectada a republicação integral de excertos textuais de autoria do (a) proponente. Em casos de reutilização de material textual de própria autoria e já publicado, o estudo deverá ser indicado no artigo, seguindo a norma de referenciação de autoria (citação direta ou indireta) ou indicando que parte da pesquisa apresentada no artigo submetido advém de texto anteriormente publicado pelo (a) autor (a). Além disso, caso seja identificado o plágio, o trabalho será excluído do processo editorial ou, caso já tenha sido publicado, do periódico, ficando o (a) autor (a) sujeito a penalidades previstas na legislação brasileira.