DETERMINANTES DO DESENVOLVIMENTO REGIONAL: UMA ANÁLISE DO COREDE FRONTEIRA OESTE UTILIZANDO DADOS EM PAINEL

Artigo principal Conteúdo

Vanessa Dutra
Paulo Fernando Marschner
Kalu Soraia Schwaab
Bruna Márcia Machado Moraes

Resumo

Políticas de desenvolvimento regional tem como objetivo identificar peculiaridades de cada região para que, com base nelas, sejam estipuladas diretrizes para impulsionar o desenvolvimento econômico. Visando essas diretrizes, o Rio Grande do Sul foi divido em 28 Conselhos Regionais de Desenvolvimento – COREDES, no ano de 1994, agrupando cidades com características econômicas, produtivas e políticas semelhantes. Tendo como base essa temática o presente estudo buscou analisar o efeito do cumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal no nível de desenvolvimento regional nas cidades do COREDE Fronteira Oeste. Para tal, foram investigadas, inicialmente, as características socioeconômicas da sub-região, e posteriormente, utilizados dados em painel para identificar a referida relação, o período estudado foi de 2005 a 2013. Como principais resultados evidenciou-se que o COREDE Fronteira Oeste possui indicadores de desenvolvimento socioeconômicos um pouco abaixo da média estadual, e, ainda, o desenvolvimento dos municípios não está relacionado com a qualidade da gestão fiscal do COREDE.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Detalhes do Artigo

Como Citar
DUTRA, V.; MARSCHNER, P. F.; SCHWAAB, K. S.; MORAES, B. M. M.; CERETTA, P. S. DETERMINANTES DO DESENVOLVIMENTO REGIONAL: UMA ANÁLISE DO COREDE FRONTEIRA OESTE UTILIZANDO DADOS EM PAINEL. Revista Estratégia e Desenvolvimento, v. 3, n. 1, 23 abr. 2020.
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Paulo Fernando Marschner, UFSM

Possui graduação em Administração pela Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (2016) e Mestrado em Administração pela Universidade Federal de Santa Maria (2019). Atualmente é Doutorando em Administração pela Universidade Federal de Santa Maria.

Kalu Soraia Schwaab, UNIPAMPA

Possui graduação em Administração pela Universidade Federal de Santa Maria (2008). Possui especialização em Controladoria e Finanças pela Universidade da Região da Campanha (2011). Mestre em Gestão de Organizações Públicas pela Universidade Federal de Santa Maria (2015). Atualmente, cursando doutorado em Administração na Linha de Pesquisa Economia, Controle e Finanças na Universidade Federal de Santa Maria.

Bruna Márcia Machado Moraes

Doutoranda em Administração pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) - Linha de Pesquisa: Finanças, Economia e Controle. Mestre em Administração (UFSM) e graduação em Administração (2013) pela Universidade Franciscana (UFN). Participante do Grupo de Pesquisa em Finanças do programa de pós-graduação em Administração - UFSM. Atualmente desenvolve pesquisas ligadas ao agronegócio e comércio internacional de commodities. Atuou como Trainee na ACEJ - Assessoria e Consultoria Econômica Junior, vinculada ao Curso de Ciências Econômicas - UFSM (2013).

Paulo Sergio Ceretta

Possui graduação em Administração pela Universidade Federal de Santa Maria(1992), especialização em Estatistica e Modelagem Quantitativa pela Universidade Federal de Santa Maria(2008), mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Maria(1995) e doutorado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina(2001). Atualmente é PROFESSOR ASSOCIADO da Universidade Federal de Santa Maria, Revisor de projeto de fomento do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, Revisor de periódico da REAd. Revista Eletrônica de Administração, Revisor de periódico da Revista Brasileira de Finanças, Revisor de periódico da Revista de Ciências da Administração (CAD/UFSC), Revisor de periódico da Latin American Business Review (Binghamton), Revisor de periódico da Redes (Santa Cruz do Sul), Revisor de periódico da Custos e @gronegócio Online, Membro de corpo editorial da Sociais e Humanas, Revisor de periódico da RAM. Revista de Administração Mackenzie (Online), Revisor de periódico da Ciência Rural (UFSM. Impresso), Revisor de periódico da The Quarterly Review of Economics and Finance, Revisor de projeto de fomento da The United Arab Emirates University (UAEU; http://www.uaeu.ac.ae/en/), Membro de corpo editorial da Revista de Administração da UFSM e Membro de corpo editorial da RAM. Revista de Administração Mackenzie (Online). Tem experiência na área de Administração, com ênfase em Administração de Empresas. Atuando principalmente nos seguintes temas:FINANÇAS, MERCADO DE AÇÕES, previsibilidade, Quociente de variância, Caminho aleatório.

Referências

ALBUQUERQUE, M. V.; VIANA, A. L. A.; LIMA, L. D.; FERREIRA, M. P.; FUSARO, E. R.; IOZZI, F. L. Desigualdades regionais na saúde: mudanças observadas no Brasil de 2000 a 2016. Ciência & Saúde Coletiva, v. 22, n. 4, p. 1055-1064, 2017.
AYDALOT, P. Économic Régionale et Urbaine. Paris, Economica. 1985.
BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília: Senado, 1988. Disponível em: . Acesso em: 20 ago. 2019.
BRASIL. Lei Complementar n°. 101, de 4 de maio de 2000. Estabelece normas de finanças públicas voltadas para a responsabilidade de gestão fiscal e dá outras providências. Disponível em: . Acesso em: 20 ago. 2019.
BRESSER PERREIRA, L. C. Conceito histórico de desenvolvimento econômico, FGV, Texto para discussão 157, dezembro/2006.
CAVALCANTE, F. R. C.; BATISTA, S. A.; GÓES, S. B; FLORES, C. R.; FLORES, J.A. Processos de Desenvolvimento Regional e a política ambiental em Rondônia: o turismo como vetor de desenvolvimento local de Guajará-Mirim. In: Anais. V Congresso Brasileiro de Gestão Ambiental. Belo Horizonte: Minas Gerais, 2014.
CRUZ, C. F.; AFONSO, L. E. Gestão fiscal e pilares da Lei de Responsabilidade Fiscal: evidências em grandes municípios. Revista de administração pública, Rio de Janeiro, v. 52, n. 1, p. 126-148, jan-fev 2018.
FEE – Fundação de Economia e Estatística Siegfried Emanuel Heuser - PIB Municipal – Série Histórica 2002-2014. Disponível em: < http://www.fee.rs.gov.br/indicadores/pib-rs/municipal/serie-historica/>. Acesso em: 20 ago. 2019.
________. Perfil Socioeconômico – COREDE Fronteira Oeste. Fundação de Economia e Estatística, 2018. Disponível em: < https://www.fee.rs.gov.br/perfil-socioeconomico/coredes/detalhe/?corede=Fronteira+Oeste> Acesso em: 10 set. 2019.
FIRJAN – Índice FIRJAN de desenvolvimento municipal. Disponível em: < www.firjan.com.br/ifdm/consulta-ao-indice>. Acesso em: 20 ago. 2019.
FIRJAN – Índice FIRJAN de gestão fiscal. Disponível em: . Acesso em: 20 ago. 2019.
FIORI, T. P. Economia e política do desenvolvimento regional no Rio Grande do Sul. Desenvolvimento regional no Brasil: políticas, estratégias e perspectivas. Organizadores: Aristides Monteiro Neto, César Nunes de Castro, Carlos Antônio Brandão. Rio de Janeiro: IPEA, 2017.
HIRSCHMAN, A. O. The strategy of economic development. New Haven: Yale University Press, 1958.
MYRDAL, G. Economic theory and under-developed regions. Gerald Duckworth & CO. LTD: London, 1957.
NORTH, D. C. Teoria da localização e crescimento econômico regional. In: Schwartzman, J. Economia regional: textos escolhidos, Cedeplar, BeloHorizonte, 1977
OLIVEIRA, M. S. Capacidade estatal e implementação de política de desenvolvimento regional sustentável na Amazônia. Novos Cadernos NAEA, v. 18, n. 2, p. 271-291, set-dez 2015.
OLIVEIRA, V. S.; ARAÚJO, T. B.; SILVEIRA, R. L. L. Conselhos Regionais de Desenvolvimento (COREDEs): Uma análise da sua formação histórica e dos processos recentes de planejamento territorial no estado do Rio Grande do Sul – Brasil. In: Anais VXIII Encontro Nacional de Geógrafos. A construção do Brasil: geografia, ação política e democracia. 24 a 30 de junho de 2016 – São Luiz/MA.
PASTORE, J. Teorias de desenvolvimento econômico: problemas metodológicos. Revista de Administração de Empresas, v. 12, 1970.
PERROUX, F. A Economia do século XX. Porto: Herder, 1967.
SANTOS, N. B.; FARIA, A. M. M; DALLEMOLE, D.; MANSO, J. R. P. Desenvolvimento e crescimento econômico das macrorregiões de Mato Grosso nos anos 2005 e 2013. Interações, Campo Grande, MS, v. 18, n. 3, p. 169-182, jul-set 2017.
SCHENATTO, A. F.; FABRIS, A. J. Desenvolvimento regional e planejamento estratégico governamental. Secretaria de Estado e Educação de Santa Catarina. 2017. Disponível em: < http://www.uniedu.sed.sc.gov.br/wp-content/uploads/2017/09/Andreia-Fadani-Schenatto.pdf> Acesso em: 10 set. 2019.
SECRETARIA do Planejamento e Desenvolvimento Regional. Perfil – Região funcional de planejamento 7. Disponível em: Acesso em: 10 set. 2019.
SECRETARIA de Planejamento, Governança e Gestão. Desenvolvimento regional – COREDES. Disponível em: < http://planejamento.rs.gov.br/planejamento-estrategico-de-desenvolvimento-regional> Acesso em: 10 set. de 2019.
SOUSA, P. F. B DE; LIMA, A. O.; NASCIMENTO, C. P. S. DO; PETER, M. G. A.; MACHADO, V. V. M.; GOMES, A DE O. Desenvolvimento municipal e cumprimento da lei de responsabilidade fiscal: uma análise dos municípios brasileiros utilizando dados em painel. Revista Evidenciação Contábil & Finanças, v. 1, p. 58-70, 2013.
TORRES, D. A. R.; VIEIRA, F. C.; CRUZ, A. C. Sistema financeiro, sistema de inovação e desenvolvimento regional: um estudo sobre a relação entre crédito e inovação para os estados da região sudeste brasileira. Revista de Economia, v. 41, n. 1, Ano 39, jan-abr 2015.