AUMAA Devaneio e mapeamento das imagens graficas

Artigo principal Conteúdo

Luiz Henrique Leão

Resumo

Este resumo apresenta os resultados preliminares e os desdobramentos que dizem respeito á utilização da gravura no campo expandido (Rosalind Kraus, 2007), pertinente á pesquisa que realizo no curso de graduação em artes visuais bacharelado na Ufpel, sendo assim venho apresentar uma instalação referente à AUMAA, que é uma criação concebida a partir de devaneio poético (Gastón Bachelard, 1996), que tem como objetivo pesquisar as questões a respeito do campo expandido, e das mestiçagens dentro das artes visuais, mais precisamente da gravura no campo expandido. A presente pesquisa teve inicio em 2017, com a observação e o devido mapeamento dos possíveis Entes, realizado através de registro fotográfico e de vídeo, com o objetivo de dar materialidade visual à comunicação humana não humana. A instalação AUMAA lV busca a mistiçagem em arte, e nesta direção pensando a gravura no campo ampliado, utilizo a  fotografia do Ente lV como elemento de ligação e trasposição entre linguagens, na forma da serigrafia, da impresssão digital e da projeção, tambem faz parte da instalação uma intervenção sonora que é parte da cosmoçogia AUMAA.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Detalhes do Artigo

Como Citar
LEÃO, L. H. AUMAA. Missões: Revista de Ciências Humanas e Sociais, v. 6, n. 4, p. 245-254, 29 abr. 2021.
Seção
Artigos

Referências

BACHELARD, Gastón. A poética do devaneio. São Paulo: Martins Fontes, 1996
BORSA, Icleia Cattani. Mestiçagens na Arte Contemporânea, 2007
SEEMANN, Jörn. Tradições humanistas na cartografia e na poética dos mapas, Competência: Qual espaço do lugar, 2012, p.69-92
VIVEIRO de Castro. Perspectivismo e Multinaturalismo na América Indígena, São Paulo, 2004