RELATO DE EXPERIÊNCIA: VISITAS ACOLHEDORAS

  • Geovanna Vargas
  • Suelen Bach
Rótulo Palavras-chave, Visita, Domiciliar, Politicas, Públicas, Psicologia

Resumo

i) Introdução: Trata-se de um relato de experiência sobre o estágio básico de políticas públicas na área de psicologia, realizado na Estratégia Saúde da Família São Bernardo na cidade de Bagé- RS. Por possuir grandes demandas em saúde mental, oportunizou-se esta prática. ii) Objetivo: Descrever a experiência obtida através do projeto de visitas domiciliares no município de Bagé. iii) Material e métodos: A metodologia utilizada foi a visita domiciliar, para a qual houve reunião com os agentes de saúde para a seleção das famílias que necessitavam de uma maior atenção por parte das estagiárias. Desta forma, foram escolhidas quatro famílias com diferentes problemáticas, as quais receberam as visitas durante o período de três meses, semanalmente. iv) Resultados e discussão: Os resultados evidenciaram que o acompanhamento realizado mostrou-se eficaz para a maioria das famílias visitadas. Foram observadas, no período de três meses, mudanças de comportamento que ajudaram as famílias a enfrentar situações pessoais, a melhorar a forma de comunicação social e, especificamente, a obter visibilidade dos trabalhos manuais realizados por uma das famílias. Além disso, houve incentivo para tratamento de substâncias químicas e incentivo na prevenção a saúde de maneira geral. Pode-se constatar falta de motivação vinda por parte de uma das famílias visitadas, refletida em poucos contatos e avanços durante o estágio. v) Conclusão: Foi possível observar que a presença de um profissional de psicologia nas redes de Atenção Básica à Saúde é de grande importância para a prevenção e realização da saúde de pessoas carentes, para as quais o acesso a este serviço raramente é ofertado e ainda enfrenta muitos preconceitos. É necessário o psicólogo participar de ações promovidas nas comunidades e informar a população de como realmente funciona o seu trabalho. Assegurar que esta população receba o auxílio de tais profissionais em conjunto com uma equipe multidisciplinar, é uma forma de promover bem-estar tanto físico, quanto mental. A experiência permitiu às alunas maior reflexão sobre os problemas apresentados pelas famílias em diferentes contextos numa relação de diálogo, mudanças de autoconhecimento e de estrutura familiar, melhor compreensão da rede familiar e como uma mesma localidade pode apresentar contrastes tão peculiares. Palavras-chave: Visita Domiciliar. Politicas Públicas. Psicologia.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-02-14
Como Citar
VARGAS, G.; BACH, S. RELATO DE EXPERIÊNCIA: VISITAS ACOLHEDORAS. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 11, n. 4, 14 fev. 2020.