O JOGO DIDÁTICO NA APRENDIZAGEM INFANTIL DE COMPONENTES DE ANATOMIA HUMANA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA

  • Ântony de Moraes Cruz
  • Pedro Luiz Erves Ribeiro
  • Eduarda Santos Tulius
  • Eduarda Moura Ferreira
  • Guilhermina Angelica Silva Santos
  • Mara Cristina Pimenta Dos Santos Ruybal
Rótulo Aprendizagem, Anatomia, humana, Jogo, didático

Resumo

Introdução: O conhecimento em anatomia humana é necessário não somente para acadêmicos e profissionais da área da saúde, mas também para o público em geral. Para crianças e adolescentes este conhecimento torna-se ainda mais necessário uma vez que nesta fase da vida vivenciam muitas mudanças corporais e emocionais e conhecer o próprio corpo torna esta transição menos traumática. Um dos métodos didáticos utilizados atualmente com crianças são os jogos didáticos e para o ensino de anatomia este método é utilizado até mesmo no meio universitário, pois permite que haja interação lúdica com um conteúdo tão complexo, permitindo que se aprenda de forma mais atrativa pois, divertindo-se com a nomenclatura e saberes anatômicos torna este conhecimento mais duradouro. A extensão universitária tem como um de seus objetivos levar os conhecimentos adquiridos pelos acadêmicos à comunidade e pensando nisso, elaborou-se o projeto UNIPAMPA na Escola: Coração em foco, em alusão ao Dia Mundial do Coração, realizado em uma escola de ensino fundamental da cidade de Uruguaiana, RS, no qual as crianças foram apresentadas de forma mais aprofundada ao sistema circulatório através de palestras e jogos acerca do sistema. Objetivo: relatar a experiência de acadêmicos de Fisioterapia matriculados na disciplina de Anatomia Humana II na condução de um jogo didático no qual foram testados e aprofundados os conhecimentos dos participantes acerca da anatomia cardiovascular. Trata-se de um estudo descritivo, do tipo relato de experiência, de um jogo didático denominado RodaRoda Anatomia, aplicado na EMEF Castelo Branco, onde foram abordadas cerca de 50 crianças com idades entre 11 e 12 anos. As crianças, previamente orientadas através de palestra a respeito do sistema cardiovascular, formavam equipes de até 4 participantes, que giravam uma roleta, tendo a possibilidade de ser sorteada a cor azul ou vermelha. Quando a roleta parava de girar na cor vermelha, apresentava-se uma questão sobre o sistema cardiovascular, quando parava na cor azul, o aluno deveria responder com verdadeiro ou falso acerca de mitos e curiosidades sobre o sistema. Cada resposta correta dava 1 ponto para a equipe, sendo considerada vencedora a equipe a que primeiro atingisse 10 pontos. Resultados e discussão: Verificamos que o jogo auxiliou as crianças a fixarem o conhecimento previamente adquirido sobre o sistema cardiovascular, oportunizando o esclarecimento de algumas dúvidas pertinentes ao sistema através das perguntas que eram apresentadas no jogo. Elas sentiram, inicialmente, uma leve dificuldade com o jogo, mas após algumas rodadas conseguiam definir e mobilizar seus conhecimentos para responder às questões, de forma confiante. Conclusão: Embora seja um saber complexo, a anatomia humana pode ser trabalhada de forma mais aprofundada, através de atividades lúdicas, já em fases iniciais do aprendizado infantil, permitindo ao estudante do ensino fundamental a aquisição e melhor fixação deste conhecimento.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-12-04
Como Citar
DE MORAES CRUZ, ÂNTONY; LUIZ ERVES RIBEIRO, P.; SANTOS TULIUS, E.; MOURA FERREIRA, E.; ANGELICA SILVA SANTOS, G.; CRISTINA PIMENTA DOS SANTOS RUYBAL, M. O JOGO DIDÁTICO NA APRENDIZAGEM INFANTIL DE COMPONENTES DE ANATOMIA HUMANA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 11, n. 3, 4 dez. 2020.