COMPARAÇÃO DA SATISFAÇÃO COM O SERVIÇO DE USUÁRIOS ATENDIDOS EM UM AMBULATÓRIO DE NUTRIÇÃO

  • Juliana Amaral
  • Ana Letícia Vargas Barcelos
  • Shanda de Freitas Couto
  • Carla Pohl Sehn
  • Rafaela Correa Soares
  • Karina Sanches Machado D Almeida
Rótulo Ambulatório, Pesquisa, satisfação, Nutrição

Resumo

Introdução: A satisfação pode ser conceituada como a diferença entre a percepção do usuário e a expectativa pelo atendimento. Através dos resultados obtidos com pesquisas de satisfação, os profissionais identificam melhor os aspectos que necessitam de mais atenção, buscando opções para adequar o cuidado às necessidades dos usuários. O projeto de extensão ambulatório de nutrição, vinculado ao curso de Nutrição da UNIPAMPA campus Itaqui, fornece atendimento gratuito à comunidade com o intuito de promover saúde e prevenir doenças, possibilitando estreitar as relações dos discentes envolvidos com a comunidade. Objetivo: Comparar a satisfação dos usuários atendidos no ambulatório vinculado ao curso de Nutrição da UNIPAMPA campus Itaqui nos últimos três anos de atendimento. Material e métodos: A amostra foi composta por usuários do ambulatório, atendidos nos anos de 2017, 2018 e 2019. Para avaliar a satisfação com o serviço, utilizou-se um questionário fundamentado no Programa Nacional de Avaliação de Serviços de Saúde. Foram considerados os aspectos de agilidade, equipe e atendimento nutricional. Resultados e discussão: Foram entrevistados 64 indivíduos com média de idade de 44±13,5 anos, 45±12 anos e 43±17 anos, para os anos de 2017, 2018 e 2019, respectivamente; com prevalência do sexo feminino (96%, 100% e 67%). Em relação a satisfação dos usuários, no quesito agilidade, quanto ao tempo para agendamento, observou-se uma melhora na satisfação quando comparados os dados em que 84% consideravam bom em 2017 e esses valores subiram para 87,5% em 2018 e 95% em 2019. A satisfação com o tempo de espera no dia do atendimento também evoluiu de 73% em 2017, para 87,5% e 100% em 2018 e 2019, respectivamente. No quesito equipe, a satisfação dos usuários foi de 100% nos três anos; assim como no quesito atendimento, em que 100% dos usuários consideraram boas as orientações/esclarecimentos fornecidos. Por fim, de modo geral, o ambulatório foi considerado bom por 98% dos usuários em 2017 e 100% em 2018 e 2019. A fim de manter a excelência do serviço, a partir do levantamento de 2017, foram feitas algumas modificações, tais como, a organização da lista de espera e verificação de prioridades para agendamentos; aumento do número de atendimentos por dia; horários pré-agendados, e não mais por ordem de chegada e o uso de redes sociais como meio de divulgação do serviço; medidas que refletiram na melhora da satisfação com o ambulatório. Cabe destacar que o projeto de extensão viabiliza um atendimento nutricional gratuito e individualizado para a população que necessita desses cuidados. Conclusão: Diante disso, é possível observar elevados índices de satisfação referentes ao serviço do ambulatório, implicando diretamente na adesão ao tratamento. Além disso, a avaliação da qualidade do atendimento oferecido e a satisfação dos pacientes permitiu a identificação de deficiências no ambulatório, fornecendo subsídios para melhorias.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-12-04
Como Citar
AMARAL, J.; LETÍCIA VARGAS BARCELOS, A.; DE FREITAS COUTO, S.; POHL SEHN, C.; CORREA SOARES, R.; SANCHES MACHADO D ALMEIDA, K. COMPARAÇÃO DA SATISFAÇÃO COM O SERVIÇO DE USUÁRIOS ATENDIDOS EM UM AMBULATÓRIO DE NUTRIÇÃO. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 11, n. 3, 4 dez. 2020.