ENSINANDO A PESCAR: ASSISTÊNCIA TÉCNICA A PRODUTORES RURAIS

  • Nathália Datore Fortunato
  • Damiane Antonetti
  • Leandro Prates da Costa
  • Thais Honório Ferreira
  • Camila Alves Oliveira
  • Paulo Rodinei Soares Lopes
Rótulo Extensão, rural, Piscicultura, Renda

Resumo

A piscicultura pode ser uma alavanca de desenvolvimento social e econômico, possibilitando o aproveitamento efetivo dos recursos naturais locais e a criação de postos de trabalhos assalariados. Na piscicultura familiar, tendo em vista a busca de alternativas e manejo simples e funcional que proporcionem um baixo custo e sustentabilidade da atividade. O objetivo deste trabalho é propiciar alternativas para o aumento da renda e qualidade de vida dos produtores rurais e suas famílias, através da implementação das atividades da piscicultura sustentável. A metodologia utilizou-se de excursões as propriedades participantes na cidade de Dom Pedrito-RS, onde as ação foram planejada de acordo com a viabilidade econômica e organizacional dos produtores rurais. Nas visitas foram realizados mapeamentos e reconhecimento da área, planificação e dimensionamento dos viveiros de criação de peixes, calagem dos viveiros, escolha das espécies a ser utilizada, definição de estratégia de produção, sistema de criação, aquisição dos animais, apeixamento, alimentação, acompanhamento do crescimento e despesca. As visitas técnicas foram realizadas semanalmente, onde analisou-se a qualidade da água, crescimento dos animais e a alimentação a ser fornecido. Ao longo do projeto foram implantados tanques-rede, onde orientou-se a engorda dos animais. Todas as etapas foram planilhadas para ter um controle zootécnico das atividades As ações desenvolvidas foram avaliados através das etapas elaboradas metodologicamente onde na primeira etapa foram realizadas as visitas técnicas, onde foi possível avaliar as características de cada área e a possibilidade de abertura de viveiros. Determinou-se o tamanho dos viveiros, cinco viveiros de criação com área total de lamina dágua de 0,5 hectares. Todos os viveiros foram construídos de acordo com as normas técnicas recomendadas para criação de espécies nativas e exóticas. A ação da análise da qualidade da água e calagem foi à próxima depois que os açudes estavam cheios, devido a grande precipitação na região. Orientou-se o proprietário para registrar suas atividades na FEPAM, auxiliando no preenchimento do formulário de requerimento para Abertura de Processo Administrativo para Licença de Operação. Os discentes bolsistas e voluntários participaram ativamente do processo de visitas técnicas, auxiliando na discussão do planejamento e espécies a serem alojadas. Na segunda etapa foi feito a alocação dos peixes nos viveiros e o acompanhamento com visitas técnicas para auxiliar na criação dos peixes até o momento da venda. Na terceira e ultima etapa foram implantados tanques redes. Neste projeto conclui-se que os produtores participantes permitiram ampliar os horizontes, possibilitando a relação da Universidade com a sociedade, enfrentando a dinâmica e ampla concorrência de mercado de trabalho, espera-se que os produtores atingidos possam melhorar sua qualidade de vida e explorar essa nova área acrescida e consequente melhorando sua renda.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-12-04
Como Citar
DATORE FORTUNATO, N.; ANTONETTI, D.; PRATES DA COSTA, L.; HONÓRIO FERREIRA, T.; ALVES OLIVEIRA, C.; RODINEI SOARES LOPES, P. ENSINANDO A PESCAR: ASSISTÊNCIA TÉCNICA A PRODUTORES RURAIS. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 11, n. 3, 4 dez. 2020.