APOIO AO USO DA INFORMÁTICA NA EMEB JOÃO ANDRÉ FIGUEIRA DE ALEGRETE/RS

  • Julielen Arnoud Dorneles
  • Amanda Meincke Melo
  • Maria Cristina Graeff Wernz
Rótulo Informática, Educação, Escola, Laboratório

Resumo

O programa de extensão GEInfoEdu Grupo de Estudos Informática na Educação, do Campus Alegrete da Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA), tem colaborado com a Escola Municipal de Educação Básica João André Figueira para o uso da informática. A escola fica localizada no meio rural de Alegrete-RS, no Polo do Durasnal, e possui 138 alunos matriculados. Essa colaboração teve início em março de 2019, a partir da iniciativa de uma acadêmica do curso de Engenharia de Software. O objetivo do trabalho realizado na escola é desenvolver habilidades e competências para o uso do computador por seus alunos. Este resumo realiza o relato da experiência de desenvolvimento de atividades no laboratório de informática da escola. O laboratório possui seis computadores, nem todos ligam sempre e apenas dois possuem acesso à Internet. As atividades tiveram início em 28 de março, com certa dificuldade, pois alguns computadores não ligavam. Problemas como esse são solucionados com o apoio do técnico agrícola da escola. A sala é pequena, o que dificulta que uma turma inteira participe das atividades. Na maioria das vezes, trabalha-se com a metade de uma turma, o que leva o professor ou a professora responsável a ficar com a outra metade da turma em sala de aula. Até o momento, setembro de 2019, doze turmas foram atendidas, todo o ensino fundamental e o ensino médio. No primeiro contato com os estudantes, buscou-se apresentar o computador, como ligá-lo e desligá-lo, de uma forma fácil que pudesse ser entendida por alunos na faixa etária entre 5 e 15 anos. O atendimento busca desenvolver atividades educacionais, com jogos educativos, o ambiente de programação visual Scratch e a digitação com o Libre Office. Para o dia das mães e dia dos pais, foram confeccionados cartões pelos estudantes da 2º a 4º série. Pôde-se perceber que alguns estudantes nunca haviam tido contato com um computador e, assim, não tinham conhecimento do uso do mouse e do teclado, sendo necessário um maior tempo de adaptação por esses estudantes. Para a maioria dos estudantes atendidos, esta tem sido uma oportunidade única para o acesso e o uso de recursos de informática. A colaboração com os professores, embora desejável, para um melhor alinhamento ao seu plano de ensino, pelo exposto, ainda apresenta limitações. Para a estudante voluntária, pode-se afirmar que a experiência tem oportunizado novas aprendizagens relacionadas às relações interpessoais e organização para exercer a docência.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-12-04
Como Citar
ARNOUD DORNELES, J.; MEINCKE MELO, A.; CRISTINA GRAEFF WERNZ, M. APOIO AO USO DA INFORMÁTICA NA EMEB JOÃO ANDRÉ FIGUEIRA DE ALEGRETE/RS. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 11, n. 3, 4 dez. 2020.