ESTUDO DO COMPORTAMENTO NO ESTADO FRESCO DE ARGAMASSAS COM ADIÇÃO DE NANOTUBO DE CARBONO (NTCS)

  • Diovana Flora
  • Cibeli Beatriz Scherer
  • Maria Eduarda Fantin Dacheri
  • Tais Vicenzi Schneider
  • Aldo Leonel Temp
  • Simone Dornelles Venquiaruto
Rótulo Argamassas, modificadas, Nanotubos, carbono, Propriedades, Estado, fresco

Resumo

A história de desenvolvimento da civilização está baseada na busca por novas tecnologias para atender a diversas demandas, neste contexto, os nanotubos de carbono (NTCs) tem despertado o interesse da comunidade acadêmica devido as suas propriedades(3)(4).Esses elementos de escala nanoscópicas tem promovido grandes mudanças na área da engenharia dos materiais. Através da utilização de métodos de manipulação na escala nanométrica espera-se implementar este material na construção civil em escala industrial, sendo possível controlar e introduzir características e comportamento na matriz da pasta de cimento. Os benefícios da adição de NTCs às argamassas ainda estão sendo estudados e evidenciam melhoras na redução da porosidade nas mesmas (6)(7). A pesquisa tem como objetivo avaliar o comportamento no estado fresco de argamassas de cimento Portland com adição de NTCs considerando as propriedades de índice de consistência, densidade de massa e teor de ar incorporado. Para a produção das argamassas selecionou-se como materiais cimento Portland (CP V-ARI), areia média, aditivo superplastificante, água e NTCs. Foi utilizado um traço em massa na proporção de 1:3 (cimento:areia)(5), com relação água cimento de 0,48 e teor de aditivo de 0,70% (em relação a massa de cimento). Foram moldadas duas argamassas, sendo uma de referência e outra com adição de NTCs no teor de 0,30% em relação a massa de cimento. A metodologia inicialmente consistiu na dispersão dos nanotubos de carbono em um banho de ultrassom por um período de x horas. Posteriormente, as argamassas foram confeccionadas e suas propriedades de índice de consistência (1), densidade de massa (2) e teor de ar incorporado (2) foram determinadas de acordo com as prescrições normativas vigentes no Brasil. Os resultados das propriedades analisadas mostraram que o índice de consistência da argamassa com a incorporação NTCs reduziu em 4,08% em relação à sua referência. Para as duas argamassas estudadas a densidade de massa apresentou valores inversos ao teor de ar incorporado. Quanto maior a densidade de argamassa maior a tendência a fechar os vazios presentes nas misturas, portanto menor o teor de ar incorporado. A argamassa com 0,30% de NTC apresentou uma densidade de massa de 1,85g/cm³ e um teor de ar incorporado 19,51%. A argamassa de referência obteve uma densidade de massa de 2,08 g/cm³ e um teor de ar incorporado de 9,78%. O índice de consistência representa a trabalhabilidade da argamassa, neste estudo os dois traços estudados não apresentaram diferença relevante. Analisando a densidade de massa e teor de ar incorporado a presença de NTCs a propriedade deve ser melhor investigada, pois o aumento no teor de ar incorporado e redução da densidade de massa podem influenciar outras propriedades no estado endurecido das argamassas.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-08-28
Como Citar
FLORA, D.; BEATRIZ SCHERER, C.; EDUARDA FANTIN DACHERI, M.; VICENZI SCHNEIDER, T.; LEONEL TEMP, A.; DORNELLES VENQUIARUTO, S. ESTUDO DO COMPORTAMENTO NO ESTADO FRESCO DE ARGAMASSAS COM ADIÇÃO DE NANOTUBO DE CARBONO (NTCS). Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 11, n. 2, 28 ago. 2020.