PERFIL ELETROCARDIOGRÁFICO DE CÃES NO MUNICÍPIO DE URUGUAIANA

  • Milena Pontes
  • Gabriele Lopes
  • Joao Paulo da Exaltacao Pascon
Rótulo Eletrocardiograma, Arritmias, canino, distúrbios, condução, ritmo

Resumo

O eletrocardiograma (ECG) é o registro gráfico da atividade elétrica originada no coração, captada por meio de eletrodos posicionados de forma padronizada na superfície corporal, capaz de determinar com precisão o ritmo e arritmias cardíacas. Embora os ritmos sinusais fisiológicos sejam mais prevalentes em cães, muitas arritmias cardíacas cursam com quadros subclínicos, dificultando a investigação diagnóstica, tornando evidente o conhecimento dos ritmos e arritmias mais prevalentes em cada região, bem como da realização de estudos eletrocardiográficos em cães. Desta forma, objetivamos com o presente trabalho traçar o perfil eletrocardiográfico dos ritmos e arritmias dos cães do município de Uruguaiana-RS, atendidos pelo Serviço de Cardiologia Veterinária da UNIPAMPA Uruguaiana, do período de abril de 2016 a agosto de 2022. No período do estudo foram realizados 277 ECGs de cães, dos quais 41,3% eram machos e 58,7% fêmeas, com peso corporal médio de 9,97±3,85 kg e idade média de 9,65±8,53 anos, caracterizando o perfil epidemiológico do grupo estudado como cães adultos-senis de raças pequenas. Do total de 277 ECGs analisados, 90,7% tinham origem sinusal, compostos por arritmia sinusal respiratória (64,3%), ritmo sinusal (15,5%), taquicardia sinusal (9,0%) e bradicardia sinusal (1,4%). Maior parte dos cães com arritmia sinusal respiratória (66,3%) apresentou marcapasso migratório associado, caracterizada pela modificação da conformação e dimensão da onda P, secundária a influência parassimpática em região de nó sinusal. Dentre as arritmias e distúrbios de condução elétrica pudemos observar a ocorrência de parada sinusal ou sinus arrest (2,2%), fibrilação atrial (2,2%) que é mais comum na presença de aumento atrial acentuado, sendo considerada uma arritmia grave. Um importante fator que contribui para o aumento na incidência de FA em anos recentes é a idade avançada dos pacientes, pois o envelhecimento gera mudanças estruturais, como fibrose e dilatação atrial. Já o bloqueio atrioventricular de I e II grau (2,2%), bloqueio de ramo direito (1,4%), taquicardia supraventricular (1,1%), taquicardia juncional (0,4%) e taquicardia ventricular (0,4%). Considerando que a amostra de ECGs avaliados foi oriunda de cães que buscavam atendimento especializado em cardiologia, apenas 9,3% dos exames evidenciaram arritmia ou distúrbios de condução elétrica, enquanto 90,7% demonstraram ritmos fisiológicos normais para espécie (sinusais). Dentre as arritmias patológicas observadas, destacam-se as de origem supraventricular, o que poderia ser explicado pela alta incidência da doença mixomatosa valvar em cães de pequeno porte e idosos, perfil dos cães deste estudo, a qual resulta em distensão atrial esquerda e/ou direita, alterando o automatismo do miocárdio atrial, favorecendo a surgimento de arritmias como a fibrilação atrial e taquicardia supraventricular, dentre outras. Ainda assim, não é possível definir a fisiopatogenia das arritmias observadas neste estudo retrospectivo, sendo necessários novos estudos para esta finalidade. Desta forma, considerando a metodologia aplicada neste trabalho, é possível afirmar que os cães de pequeno porte, adulto/senis estudados apresentaram perfil eletrocardiográfico de ritmo sinusal, com baixa prevalência de arritmias ou distúrbios de condução elétrica as quais, quando presentes, foram em sua maioria de origem supraventricular. Considerando a característica subclínica da maioria das arritmias de origem supraventricular, ressalta-se a importância da avaliação eletrocardiográfica de cães senis visando a detecção precoce de possíveis arritmias.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2022-11-23
Como Citar
PONTES, M.; LOPES, G.; PAULO DA EXALTACAO PASCON, J. PERFIL ELETROCARDIOGRÁFICO DE CÃES NO MUNICÍPIO DE URUGUAIANA. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 2, n. 14, 23 nov. 2022.