PROGRAMA NACIONAL DE APOIO AO MÉDIO PRODUTOR RURAL: A APLICAÇÃO EM DOM PEDRITO/RS

  • Carlos Leonardo Esteves Vilagram
  • Gabrielly da Silva Pinto Vilagram
  • Alessandra Troian
Rótulo Crédito, Desenvolvimento, Agropecuário, Médio, Produtor, Rural, Dom, Pedrito

Resumo

A agropecuária é extremamente importante para o desenvolvimento da economia nacional, e, o crédito rural constitui um pilar essencial para que os investimentos e aportes de capital necessários a atividade sejam possibilitados. Frente a isto, observa-se que políticas públicas são desenvolvidas visando fortalecer o setor agropecuário no País. Neste cenário, os médios produtores rurais estão ganhando cada vez mais destaque nacionalmente, a ponto de serem atualmente considerados como elemento chave para o avanço da economia local. Contudo, os médios produtores rurais nem sempre tiveram um programa específico para atendê-los, pois possuindo renda acima da permitida para acesso ao Programa Nacional de fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) e abaixo da necessária para acesso a outras linhas de crédito administradas pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), acabavam ficando a margem da oferta de credita rural. No entanto, desde 2010, os médios produtores rurais passaram a contar com o Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp) para fornecimento de crédito adequado as suas necessidades, tentando proporcionar as condições necessárias para a melhoria da estrutura produtiva, oportunizar aprimoramentos tecnológicos e investimentos na infraestrutura, além de possibilitar aplicações em inovações para maximizar o rendimento da lavoura e da pecuária. Diante disso, o objetivo do estudo é identificar a dinâmica de aplicação do crédito do Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor no munícipio de Dom Pedrito/RS. O município de Dom Pedrito, conforme divulgado no perfil das cidades gaúchas, do SEBRAE em 2019, a atividade agropecuária representa quase 50% do PIB municipal, e de acordo com o censo agropecuário de 2017, apresentado pelo IBGE em 2019, há no município 1.119 estabelecimentos agropecuários, que constituem fonte de geração de emprego e renda para a população local. Metodologicamente, a pesquisa é classificada como quantitativa, em que através da estatística descritiva, foi feita a análise de dados secundários oriundos da Matriz de Crédito Rural do Banco Central do Brasil. Assim sendo, foi possível concluir que no munícipio de Dom Pedrito, conforme a matriz de dados do Banco Central, onde são divulgados número de contratos e montante de crédito liberados pelo programa ao médio produtor em cada munícipio, Estado ou região, que os créditos direcionados a investimentos reduziram em mais de 87% no período de 2013 a 2021, enquanto os créditos direcionados a custeio, cresceram acima de 98% no período, fazendo desta forma, que o valor total liberado nestes anos tenha crescido em cerca de 60% de seu valor inicial mensurado. O expressivo montante de crédito liberado via Pronamp, sobretudo para o custeio, evidencia que existe forte relação entre o crédito rural e os médios produtores, pois é esta modalidade que permite o financiamento das atividades da esfera produtiva, com taxa de juros atrativa e de acordo com as necessidades do produtor rural.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2021-11-16
Como Citar
LEONARDO ESTEVES VILAGRAM, C.; DA SILVA PINTO VILAGRAM, G.; TROIAN, A. PROGRAMA NACIONAL DE APOIO AO MÉDIO PRODUTOR RURAL: A APLICAÇÃO EM DOM PEDRITO/RS. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 13, n. 3, 16 nov. 2021.