A MOBILIZAÇÃO DE COMPETÊNCIAS EM UMA ESCOLA RURAL

  • Géssica Minho Espindola
  • Patricia Pujol Goularte Carpes
Rótulo BASE, NACIONAL, COMUM, CURRICULAR, COMPETÊNCIAS, HABILIDADES, ESCOLA, RURAL, NÚMEROS, RACIONAIS, TRABALHO, DE, CONCLUSÃO, CURSO

Resumo

A MOBILIZAÇÃO DE COMPETÊNCIAS EM UMA ESCOLA RURAL Géssica Minho Espindola, discente de graduação, Universidade Federal do Pampa, Campus Itaqui Patricia Pujol Goulart Carpes, docente, Universidade Federal do Pampa e-mail primeiro autor- gessicaespindola.aluno@unipampa.edu.br O presente trabalho refere-se a um recorte do trabalho de conclusão de curso - TCC da primeira autora, intitulado Possíveis Estratégias dos Professores de Matemática para Implementar a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) no Ensino dos Números Racionais em uma Escola Rural, que está em andamento. Para o TCC, foi elaborado um questionário semiestruturado contendo questões abertas e fechadas relacionadas às habilidades e competências da BNCC do ensino fundamental com um olhar aos números racionais a dois professores de Matemática de uma escola rural. Os docentes participantes da pesquisa receberam um termo de Consentimento e Anonimato para garantir que suas identidades não fossem expostas no decorrer da pesquisa e que os dados serviriam para pesquisas científicas. Das respostas obtidas, tomamos a análise de conteúdo de Bardin para interpretá-las a partir da leitura (pré-análise) e então, elaboramos quatro categorias que melhor descrevem os dados, oportunizam a interpretação, correlação e posterior conclusão do estudo, sendo elas: Mobilização de Competências, Números Racionais, Tecnologias na Escola e a Contextualização da Escola Rural. Para tanto, este trabalho tem como objetivo, discutir uma destas categorias que emergiram no decorrer do processo de pré-análise do TCC a qual refere-se à Mobilização de Competências, no qual busca descrever quais são as propostas de ensino dos professores para mobilizar os objetos de conhecimento previstos na BNCC. A base é um documento que estabelece as aprendizagens essenciais aos discentes da Educação Básica do país, com o objetivo de garantir o direito à aprendizagem e o desenvolvimento pleno de todos os estudantes. Neste sentido, elenca dez competências gerais que todos os alunos devem desenvolver na Educação Básica. Desse modo, os professores devem desenvolver suas práticas pedagógicas visando o desenvolvimento destas competências. Entende-se por Competência na BNCC, o processo em que o aluno passa a saber o que é tal objeto de conhecimento e mais importante, passa a saber o que fazer com esse objeto de conhecimento. Com isso, a abordagem do conhecimento, é uma oportunidade para desenvolver ativamente a aprendizagem e a prática do aluno em sala de aula, mais precisamente à ideia do saber e do saber fazer. Uma das habilidades propostas na BNCC, que indica tal competência, é elaborar e resolver problemas com o objeto de conhecimento número racional, e, neste sentido, foi questionado aos professores a aderência de tal habilidade no contexto da escola, o qual sinalizam limitações para a mobilização do elaborar e resolver problemas, justificando que os alunos da escola apresentam dificuldades de leitura e interpretação, tornando o processo de ensino aprendizagem por meio de resolução de problemas algo difícil de desenvolver. Por este motivo os docentes optam por mobilizar o conhecimento por meio de exercícios de fixação, em específico, os exercícios do livro didático. A não mobilização da habilidade indica que o saber fazer é outra etapa do processo e pouco valorizado neste contexto. A categoria Mobilização de competências traz à luz um fundamento pedagógico que baliza a BNCC: a educação integral do indivíduo. É uma visão macro do processo educacional no país. A visão pragmatista de saber sobre muitos objetos de conhecimento se funde ao saber fazer, aplicar, criticar, refletir ou criar. Enfim, a BNCC aponta a mobilização de competências a fim de acolher e desenvolver uma educação que promova equidade e contextualização ao seu meio. Acredita-se que o estudo possa subsidiar futuras pesquisas quanto à evolução da compreensão da proposta da BNCC e as necessárias adequações das escolas (física, pedagógica, didática, financeira, ) para implementá-la. Agradecimentos: À UNIPAMPA. Palavras-chave: Base Nacional Comum Curricular; Competências e habilidades; Escola rural; Números racionais; Trabalho de conclusão de curso.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2021-11-16
Como Citar
MINHO ESPINDOLA, G.; PUJOL GOULARTE CARPES, P. A MOBILIZAÇÃO DE COMPETÊNCIAS EM UMA ESCOLA RURAL. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 13, n. 3, 16 nov. 2021.