DESAFIOS ENFRENTADOS NO ESTÁGIO DE DOCÊNCIA DURANTE A PANDEMIA

  • Vitoria Moreira
  • Angela Maria Hartmann
Rótulo Palavras-chave, Matemática, Estágio, Docente, Ensino, Fundamental

Resumo

O estágio de Regência I é um componente obrigatório do sétimo semestre do curso de Ciências Exatas - Licenciatura, da Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA), Campus Caçapava do Sul - RS. Esse estágio é antecedido por quatro outros: Observação, Observação e Intervenção, Monitoria e Grupo de Estudos Orientados (GEO). Os dois primeiros estágios foram realizados de forma presencial e os dois últimos de forma remota, devido às restrições sanitárias impostas pela pandemia por Covid-19. No estágio de Observação, investigamos o funcionamento da escola para, no estágio de Observação e Intervenção, trabalharmos com atividades e projetos que faziam parte do cotidiano dos alunos. No estágio de Monitoria, passei pela experiência de auxiliar os alunos em suas dúvidas, sendo uma espécie de monitores da professora supervisora. No estágio de GEO, desenvolvemos um projeto interdisciplinar com alunos do primeiro ano do Ensino Médio. A partir dessas experiências de estágio docente, a questão que busco responder é: quais desafios foram enfrentados durante o estágio de Regência I, em Matemática, realizado de forma remota devido ao distanciamento social imposto pelas normas sanitárias de prevenção à Covid-19? Para responder esta questão de pesquisa, baseio-me nas minhas anotações e reflexões no diário de bordo produzido ao longo do semestre de 2021/01. Este primeiro, de dois estágios de Regência, foi realizado em uma turma do sétimo ano do Ensino Fundamental de uma escola da rede pública estadual no município. Esse estágio tem como objetivo oportunizar aos licenciandos o exercício da docência, fazendo com que ocorra a articulação da teoria pedagógica estudada no curso com a prática docente na escola. O estágio contou com o acompanhamento de uma professora orientadora da licenciatura e de um professor supervisor que atua na escola de Educação Básica em que foi realizado o estágio. Na turma em que foi realizado o estágio, havia vinte e cinco alunos matriculados, mas, geralmente, apenas quatorze participavam das aulas. O estágio desenvolveu-se em cinco semanas, com duas horas todas as quintas-feiras, completando uma carga horária de dez horas/aula. Durante quatro semanas, as aulas foram realizadas de forma remota, via Google Meet. Na quinta e última semana, devido ao retorno das aulas presenciais, as duas últimas aulas aconteceram na escola. As outras dez horas, que compõem o estágio de Regência I, foram cumpridas no formato de atividades assíncronas postadas na Sala de Aula (Classroom) da turma. Atendendo ao que é previsto na Base Nacional Comum Curricular (BNCC), durante este estágio foram trabalhados os seguintes objetos de conhecimento da unidade temática Geometria: polígonos no plano cartesiano, simetria de figuras, circunferência, ângulos formados por retas paralelas, ângulos internos e externos, triângulos, fluxogramas e algoritmos para construção de polígonos regulares. Um dos desafios enfrentados neste estágio foi a comunicação com o professor da escola, que não dominava com segurança as tecnologias necessárias para o ensino realizado de forma remota. Entre essas dificuldades, registra-se o uso do Classroom e a elaboração e projeção de slides via Google Meet, o que causou certo descompasso entre nós. Em relação a ministrar o conteúdo a ser ensinado, o desafio foi menor, pois o conteúdo do sétimo ano é de fácil compreensão e temos um aprofundamento de vários tópicos de Geometria em componentes curriculares cursados durante o curso de Licenciatura. O estágio, porém, exigiu bastante tempo para o planejamento das atividades, que eram elaboradas de uma semana para a outra. Esse curto tempo de preparo das aulas gerou certo atropelo de minha parte e da professora orientadora, pois o prazo para revisar os planos de aula, o conteúdo das aulas a serem ministradas e as atividades a serem postadas no Classroom era reduzido. Outro desafio foi ministrar aulas de Matemática sozinha, para uma turma do sétimo ano, pois, até então, havia apenas auxiliado as professoras em atividades, monitorado atividades realizadas por alunos e aplicado um projeto de GEO com mais três colegas de Curso, auxiliadas pela professora supervisora da turma em que foi realizado. Trabalhar sozinha com os alunos, no estágio de Regência I, foi bastante desafiador, pois em alguns momentos surgiam dúvidas dos estudantes que eu não tinha certeza se estava respondendo de maneira adequada. Apesar desses desafios, o estágio foi concluído dentro do prazo e as atividades realizadas conforme o esperado. A partir dessa experiência, considero que o estágio de Regência é uma das principais etapas de formação em uma licenciatura, pois oportuniza o crescimento profissional e pessoal dos licenciandos, sendo fundamental para vencer medos, inseguranças e indefinições que porventura tenhamos em relação ao exercício da profissão docente. O fato de ter sido realizado de forma remota representou apenas um desafio a mais para o qual já estava preparada devido aos estágios anteriores.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2021-11-16
Como Citar
MOREIRA, V.; MARIA HARTMANN, A. DESAFIOS ENFRENTADOS NO ESTÁGIO DE DOCÊNCIA DURANTE A PANDEMIA. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 13, n. 3, 16 nov. 2021.