EFEITO DO RESVERATROL NA CINÉTICA ESPERMÁTICA DE SÊMEN CONGELADO EM EQUINOS DA RAÇA CRIOULA

  • Eduardo Gripa
  • Rafaela Dalmolin
  • Fabio Gallas Leivas
  • Natan da Cruz de Carvalho
  • Daniela dos Santos Brum
Rótulo Resveratrol, (RSV), Criopreservação, Sistema, automático, para, análise, computadorizada, sêmen, (CASA)

Resumo

A criopreservação de sêmen é uma valiosa ferramenta na otimização de garanhões e disseminação de material genético por longas distâncias. No entanto, o processo de congelamento induz disfunções mitocondriais, que aumentam a produção de espécies reativas de oxigênio (ERO) e prejudicam a qualidade seminal, tornando-se um fator limitante para a utilização da técnica. O estresse oxidativo gerado pela produção de ERO eleva as taxas de peroxidação lipídica, e lesão na membrana plasmática, contribuindo com a perda de motilidade espermática, e consequentemente, reduzindo a capacidade fecundante. O uso do Resveratrol (RSV) como agente antioxidante tem sido sugerido como alternativa na preservação da fertilidade de espermatozoides criopreservados. O objetivo deste estudo é avaliar o efeito do Resveratrol durante a criopreservação de sêmen equino e a sua relação com cinética dos espermatozoides após o descongelamento. Foram coletados ejaculados de quatro garanhões (3 repetições) da raça Crioula, com idade entre cinco e quinze anos, em regime de coleta durante estação reprodutiva. O sêmen foi avaliado (motilidade, vigor e concentração), centrifugado e diluído a uma concentração de 200 x106/mL em diluente Botucrio® suplementado com 10 µM RSV ou Botucrio® sem suplementação (Controle). Após o envase, e as curvas de congelamento adequadas, as palhetas foram imersas em nitrogênio líquido. Uma palheta de cada grupo foi descongelada em banho maria a 37ºC por 30 segundos, e submetida a duas avalições sequenciais, uma imediatamente após o descongelamento (T0), e outra após 120 min (T120) de incubação a 37ºC. A cinética espermática foi avaliada pelo sistema automático para análise computadorizada de sêmen (CASA). As configurações utilizadas para a análise da imagem espermática foram: espermatozoide lento entre 10 e 45 µm/s, médio entre 45 e 75 µm/s, e rápido acima de 75 µm/s. Espermatozoides que apresentaram linearidade (LIN) acima de 80% foram considerados progressivos. Os seguintes parâmetros foram analisados: espermatozoides rápidos, médios e lentos, motilidade total (TM): motilidade progressiva (PM; %), velocidade retilínea (VSL; µm/s), velocidade curvilínea (VCL; µm/s), velocidade média do trajeto (VAP; µm/s), linearidade (LIN; %), amplitude de batimento lateral de cabeça (ALH; µm), frequência de batimento flagelar cruzado (BCF; Hz), e percentual de espermatozoides com movimentos rápidos (Hyperactivity; %). Não houve diferença (P>0,05) entre os diferentes parâmetros avaliados, sendo os resultados médios obtidos nos tratamentos em T0 e T120, respectivamente: TM (58% e 18%), PM (25% e 9,5%), VSL(44,5 µm/s e 82 µm/s), VCL (69 µm/s e 50,5 µm/s), VAP (58 µm/s e 39 µm/s), LIN (66,5% e 65%), ALH (2,02 µm e 2,05 µm), BCF (7,83 Hz e 9,81 Hz) e Hyperactivity (4,55% e 1,45%). O estudo demonstrou que a adição de RSV na concentração de 10µM em diluente de congelamento Botucrio® não influencia na cinética de sêmen descongelado de garanhões da raça Crioula. Os garanhões utilizados nesta pesquisa eram animais adultos com parâmetros de motilidade seminal desejáveis em exame andrológico, porém mais estudos podem ser realizados verificando o efeito de outras doses e a suplementação do sêmen de garanhões desta raça com baixa qualidade seminal. Devido à grande variabilidade individual encontrada nos parâmetros seminais dos garanhões estudados, se faz necessária a realização de estudos com um maior número de indivíduos e repetições para determinação de conclusões definitivas sobre o efeito do RSV na congelabilidade de espermatozoides. Estudos que determinem o perfil oxidativo do ejaculado de garanhões podem ser úteis para justificar a adequação de diferentes doses de RSV conforme a demanda antioxidante em indivíduos da mesma raça.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2021-11-16
Como Citar
GRIPA, E.; DALMOLIN, R.; GALLAS LEIVAS, F.; DA CRUZ DE CARVALHO, N.; DOS SANTOS BRUM, D. EFEITO DO RESVERATROL NA CINÉTICA ESPERMÁTICA DE SÊMEN CONGELADO EM EQUINOS DA RAÇA CRIOULA. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 13, n. 3, 16 nov. 2021.