BALANÇO HÍDRICO CLIMATOLÓGICO DE URUGUAIANA – RS NO PERÍODO DE 1981 A 2010

  • Maiara Lopes
  • Leydimere Janny Cota Oliveira
Rótulo Défict, hídrico, Evapotranspiração, Excedente

Resumo

O Balanço Hídrico Climatológico (BHC), proposto por Thornthwaite e Mather em 1955, possibilita o monitoramento do armazenamento de água no solo, tornando possível assim identificar os períodos de ocorrência de déficit e excedente hídrico em determinada região. Nesse contexto, o presente estudo teve como objetivo realizar o BHC para o município de Uruguaiana-RS. Foram utilizados dados mensais de temperatura média do ar e precipitação acumulada das Normais Climatológicas do Brasil para o período de 1981 a 2010, disponibilizados no site do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). Para a capacidade de água disponível no solo foi adotado o valor de 100 mm. Já para a estimativa da evapotranspiração potencial utilizou-se o método de Thornthwaite que baseia se apenas na temperatura média do ar. Para o cálculo do BHC foi utilizada uma planilha eletrônica. Os resultados indicam que para o município de Uruguaiana-RS apenas nos meses de janeiro e dezembro a precipitação é inferior a evapotranspiração potencial, provocando um déficit hídrico nesse período. Nos demais meses do ano fevereiro a novembro, é possível contabilizar um excedente hídrico de 477,72 mm. Tal excedente ocorre mesmo nos meses em que os valores de precipitação são menores no município, já que durante esse período são observadas também as menores temperaturas e, portanto, menores valores de evapotranspiração.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-11-20
Como Citar
LOPES, M.; JANNY COTA OLIVEIRA, L. BALANÇO HÍDRICO CLIMATOLÓGICO DE URUGUAIANA – RS NO PERÍODO DE 1981 A 2010. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 12, n. 2, 20 nov. 2020.