AVALIAÇÃO DA TOXICIDADE DE DIFERENTES POLÍMEROS E O POTENCIAL MANIFESTADO DO EUDRAGIT EM CAENORHABDITIS ELEGANS

  • Paula Trevisan
  • Danielle Araújo Agarrayua
  • Felipe Carvalho
  • Daiana Silva Ávila
  • Sandra Elisa Haas
Rótulo Polímeros, Nanotoxicidade, Nanopartículas, Nematoide

Resumo

Sistemas de liberação de fármacos têm sido alvos de intensas pesquisas nos últimos anos e os materiais poliméricos permitem a absorção e liberação da substância ativa de maneira controlada, evitando concentrações elevadas. Apesar dos benefícios, a segurança dos sistemas nanoparticulados é um aspecto a ser compreendido. A nanotoxicologia busca avaliar os efeitos de nanomateriais em organismos vivos e o Caenorhabditis elegans é um modelo alternativo muito útil para avaliar a toxicidade de drogas. O objetivo desse estudo foi avaliar as características toxicológicas de diferentes sistemas nanoparticulados de polietilenoglicol (PEG), quitosana (CH), eudragit RS100 (EU) e polissorbato 80 (P80) em C. elegans. Os vermes foram obtidos por processo de sincronização e tratados nas concentrações de 0,015 mg/mL, 0,225 mg/mL e 0,45 mg/mL de nanopartículas com os diferentes polímeros, por 30 minutos, em meio líquido (exposição aguda). Logo após, os animais foram lavados com salina a 0,5% e transferidos para placas de Petri contendo NGM e E. coli OP50 por 48h. Os vermes foram analisados quanto à sobrevivência, tamanho da ninhada e tamanho corporal. Os dados foram expressos como média ± erro padrão, e analisados estatisticamente através de ANOVA de uma via e post-hoc de Tukey. Pode-se observar que as nanopartículas encapsuladas com EU e PEG não causaram alteração significativa na taxa de sobrevivência e no tamanho de ninhada em relação ao controle. Por outro lado, a exposição às nanopartículas com CH e P80 diminuíram a sobrevivência, o tamanho de ninhada e reduziram significativamente o tamanho dos vermes. Este trabalho demonstra as diferenças toxicológicas entre os sistemas nanoparticulados desenvolvidos e um potencial para as nanopartículas encapsuladas com EU que não induziu toxicidade em nenhum parâmetro analisado, para aplicação de novas formulações para futuros sistemas destinadas à vetorização e direcionamento de fármacos.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-11-20
Como Citar
TREVISAN, P.; ARAÚJO AGARRAYUA, D.; CARVALHO, F.; SILVA ÁVILA, D.; ELISA HAAS, S. AVALIAÇÃO DA TOXICIDADE DE DIFERENTES POLÍMEROS E O POTENCIAL MANIFESTADO DO EUDRAGIT EM CAENORHABDITIS ELEGANS. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 12, n. 2, 20 nov. 2020.