CIRURGIAS BARIÁTRICAS E ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NO PÓS-OPERATÓRIO

  • Gabrieli Siqueira
  • Gabriela Balensiefer Dondoni
  • Janaina Samantha Martins de Souza
Rótulo Cirurgias, bariátricas, Cuidados, enfermagem, Pós-operatório

Resumo

A obesidade é uma doença crônica, caracterizada pelo acúmulo excessivo de gordura corporal, atualmente, existe um crescimento significativo no número de casos a nível mundial, e esse fato está diretamente ligado ao estilo de vida da população. Isso resultou no aumento da procura por cirurgias bariátricas, diante disso, os cuidados de enfermagem no pós-operatório são fundamentais, uma vez que garantem segurança, conforto e bem-estar físico e mental ao paciente. Este trabalho tem por objetivo identificar na literatura existente a atuação da enfermagem na assistência prestada ao paciente no pós-operatório de cirurgia bariátrica. Trata-se de uma revisão bibliográfica de artigos publicados entre os anos de 2010 a 2020, realizada a partir da Biblioteca Virtual em Saúde. As palavras-chaves utilizadas foram Cirurgias bariátricas, Cuidados de enfermagem, Pós-operatório. Foram utilizados como critérios de inclusão artigos de língua portuguesa, com texto completo disponível. Diante da seleção, foram encontrados dez artigos, sendo oito deles excluídos por não atenderam os critérios de inclusão ou por aparecerem de maneira repetida, portanto foram utilizados dois artigos. A análise e apresentação dos resultados obtidos deu-se de maneira descritiva. A enfermagem necessita compreender o processo de decisão do paciente pela cirurgia bariátrica e propiciar a ele o cuidado integral, com orientações que favoreçam a recuperação plena de sua saúde. Os cuidados de enfermagem são baseados de acordo com os diagnósticos de enfermagem real e de risco de acordo com cada paciente. Dentre os diagnósticos mais elencados para pacientes em pós-operatório de cirurgia bariátrica, tem-se Dor aguda, Risco de desequilíbrio do volume de líquidos, Conforto alterado e Mobilidade física prejudicada. Em consonância com esses diagnósticos apresentam-se como principais cuidados: avaliar a dor utilizando escala de intensidade, registro da dor como quinto sinal vital, monitorar sangramentos, realizar balanço hídrico total, proporcionar posição confortável ao paciente, promoversegurança e conforto, estimular deambulação e avaliar condições circulatórias. Frente a isso, é de suma importância a criação de protocolos de cuidados para melhor guiar o enfermeiro no planejamento da assistência pós-operatória. Os protocolos também contribuem para educação em saúde, visando a melhora no autocuidado e desenvolvimento de comportamentos saudáveis, que auxiliam a perda de peso. Ao realizar este estudo pode-se perceber a escassez de literatura referente ao tema, apontando para a necessidade de mais pesquisas na área, para geração de subsídios para a prática clínica dos profissionais de enfermagem. Percebemos que os procedimentos bariátricos estão cada vez mais frequentes e, com isso cabe aos profissionais de enfermagem a qualificação do cuidado específico a estes pacientes.Torna-se importante a orientação para que os mesmos consigam ser autores do seu próprio cuidado.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-11-20
Como Citar
SIQUEIRA, G.; BALENSIEFER DONDONI, G.; SAMANTHA MARTINS DE SOUZA, J. CIRURGIAS BARIÁTRICAS E ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NO PÓS-OPERATÓRIO. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 12, n. 2, 20 nov. 2020.