EFEITOS DO PILATES NA ÁGUA NA AUTOESTIMA DE IDOSAS SEDENTÁRIAS

  • Gabriele Ibarro
  • Géssica Bordin Viera Schlemmer
  • Melissa Medeiros Braz
  • Amanda Figueiró dos Santos
  • Alecsandra Pinheiro Vendrusculo
Rótulo Idoso, Autoestima, Modalidades, Fisioterapia

Resumo

O envelhecimento populacional é uma realidade mundial. Adotar estratégias que promovam bem-estar e autoestima é determinante para elevar os níveis de saúde física e emocional, além de contribuir para autonomia do ser que envelhece. Desta forma, o Pilates na Água é modalidade de exercício que envolve princípios relacionados a consciência corporal e mental, percepção, controle e respiração. Além disso, a união desses ao meio líquido caracteriza-se como um ambiente estimulador e prazeroso para a prática de exercícios. O objetivo foi investigar os efeitos do método Pilates na Água na autoestima de idosas sedentárias. Trinta e três idosas foram avaliadas com a escala Rosenberg (RSES) pré e pós programa do Método Pilates na Água com duração de 8 semanas e prática de duas vezes semanais. A comparação entre os momento pré vs pós intervenção foi realizada através do Teste T Student para amostras pareadas ou do Teste U de Mann-Whitney dependendo das propriedades de distribuição dos dados. O nível de significância adotado foi de 5% (p< 0,05). O presente estudo indicou que houve um aumento significativo da autoestima global das participantes quando comparados os momentos pré e pós intervenção (pré 25 (24-26) pontos vs pós 39 (38-39) pontos; p<0,0001*). Deste modo, o Pilates na Água apresentou efeitos positivos para elevar os níveis de autoestima das participantes.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-11-20
Como Citar
IBARRO, G.; BORDIN VIERA SCHLEMMER, G.; MEDEIROS BRAZ, M.; FIGUEIRÓ DOS SANTOS, A.; PINHEIRO VENDRUSCULO, A. EFEITOS DO PILATES NA ÁGUA NA AUTOESTIMA DE IDOSAS SEDENTÁRIAS. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 12, n. 2, 20 nov. 2020.