BOMBA D'ÁGUA POR DIFERENÇA DE PRESSÃO

  • Enzo Oliveira
  • Cláudia Garrastazu Ribeiro
Rótulo Bomba, centrífuga, Energia, solar, térmica, Pressão, atmosférica, Poço, artesiano

Resumo

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) pelo censo de 2016, existem diversas pessoas que ainda hoje não possuem acesso à água encanada, sendo boa parte destas residentes do meio rural. Nesse contexto, estas pessoas necessitam utilizar de poços artesianos para captar água do solo por meio de bombas centrífugas, o que não pode ser feito quando também não se tem acesso a energia elétrica. Sendo assim, visando solucionar esta problemática, o presente trabalho consiste no desenvolvimento de um equipamento com o mesmo propósito de uma bomba centrífuga, porém, que não necessite de energia elétrica para executar seu serviço. Para tanto será utilizado energia solar térmica, a qual consiste na utilização de um coletor solar capaz de absorver radiação solar em prol do aquecimento de água que será depositada em um boiler(reservatório). Sendo a água quente menos densa que a água fria, consequentemente no boiler haverá um menor nível de pressão em relação ao reservatório de sucção. O boiler será interligado por um duto ao reservatório de sucção, deste modo transmitindo a diferença de pressão pelo mesmo. Sendo assim, em virtude de que no boiler há uma pressão menor em relação à do reservatório de sucção, no momento em que as pressões buscarem o seu equilíbrio natural o fluido consequentemente será sugado pelo duto sendo despejado no boiler novamente. Espera-se que este equipamento seja realmente capaz de resolver este problema de grande parte da população rural do Brasil de não possuir água de forma acessível, mesmo que o tempo de captação da água seja de forma lenta. Sabe-se que este projeto necessita de um determinado nível de radiação solar para que seu procedimento de funcionamento seja executado com sucesso e, devido ao elevado potencial solar disposto no território brasileiro acredita-se que a Bomba D'água por Diferença de Pressão apresentará um ótimo desempenho. Além disso, é de suma importância destacar que assim como até o momento consideramos este projeto viável para o Brasil, do mesmo modo acredita-se que o equipamento também tem condições de funcionar igualmente no Uruguai, uma vez que, é um país que também possui boas condições de radiação solar.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-03-30
Como Citar
OLIVEIRA, E.; GARRASTAZU RIBEIRO, C. BOMBA D’ÁGUA POR DIFERENÇA DE PRESSÃO. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 11, n. 2, 30 mar. 2020.