ACESSIBILIDADE EM EVENTOS: DESFILE FARROUPILHA DE 20 DE SETEMBRO EM SÃO BORJA

  • Maria dos Santos
  • Nicole Costa de Almeida
  • Marco Antonio Bonito
Rótulo 1, Acessibilidade, 2, Comunicação, 3, Eventos, 4, Relações, Públicas

Resumo

A inclusão de pessoas com deficiência em eventos, mesmo sendo garantida pela Lei da Acessibilidade, ainda não é efetivamente aplicada. Ao se observar os eventos municipais de São Borja, é comum notar fatores não acessíveis para pessoas com deficiência, como a falta de um intérprete para Libras ou até mesmo a forma como esses eventos são divulgados. A partir disso, seguimos com a problemática: Como o Desfile Farroupilha de 20 de setembro de São Borja/RS poderia ser acessível? Para isso, foi realizada uma pesquisa exploratória de campo com observação participante, com o objetivo de analisar a acessibilidade do evento. Sendo importante ressaltar que o Desfile de 20 de Setembro é um evento realizado anualmente na principal avenida de São Borja, em que diversos membros da comunidade local se trajam tipicamente e desfilam para homenagear às tradições gaúchas. A análise foi realizada a partir da observação direta do evento de 2019 que, de acordo com o site da prefeitura da cidade, contou com cerca de 800 pessoas desfilando. Como todo evento, o Desfile precisa ser previamente planejado para assim atingir seus objetivos e demandas de seus públicos, uma vez que é um dever promover a inclusão de toda a comunidade são-borjense, sendo esta formada por 5.706 pessoas com deficiência (IBGE 2010), em vista a Lei 10.098, também conhecida como Lei da Acessibilidade. Esta lei garante os direitos sociais e individuais das pessoas com deficiência. A partir da observação, pode-se afirmar que no evento, mesmo tendo um carro desfilando com pessoas cegas (Desafio Farroupilha 2018 - Olhos do coração), não foi realizada a audiodescrição das ações do Desfile. O apresentador apenas narrava o nome das instituições que passavam, sem especificar como estavam trajadas e o que estavam dançando e interpretando. Somado a isso, não havia a tradução em libras, assim não promovendo a inclusão da comunidade surda, pois além da narração do apresentador, muitos carros passavam tocando músicas tradicionalistas. Dessa forma, observa-se que há uma grande necessidade em realizar eventos que sejam inclusivos e acessíveis para que, não apenas haja um cumprimento de lei, mas para que as pessoas com deficiência de fato possam exercer seus direitos sociais e individuais em sociedade. É sugerido, a fim de promover a inclusão da comunidade com deficiência de São Borja, que o Desfile tenha uma audiodescrição completa, juntamente com tradução de um intérprete de Libras. Para isso, nota-se como necessário, mas que ultrapassa as fronteiras da comunicação, uma área reservada que possibilite a ampla visão do intérprete para as pessoas com deficiência auditiva e comunidade surda.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-03-30
Como Citar
DOS SANTOS, M.; COSTA DE ALMEIDA, N.; ANTONIO BONITO, M. ACESSIBILIDADE EM EVENTOS: DESFILE FARROUPILHA DE 20 DE SETEMBRO EM SÃO BORJA. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 11, n. 2, 30 mar. 2020.