INFOGRAFIA JORNALÍSTICA ACESSÍVEL PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA VISUAL

  • Ana Garcia
  • Anna Carolina Roque Furlanetto
  • Marco Antonio Bonito
Rótulo 1, Acessibilidade, 2, Infografia, jornalística, 3, Webjornalismo, 4, Interatividade

Resumo

A acessibilidade, apesar de ser um processo já bem evoluído, ainda sofre para ser aplicada em algumas áreas, principalmente na comunicação. Nos conteúdos jornalísticos dentro da web é comum observar plataformas não adaptadas, sabendo que dentro da narrativa hipermídia do webjornalismo todas as mídias se complementam e são vitais para a recepção completa da informação analisamos conteúdos jornalísticos na web e partimos da seguinte problemática: Como fazer com que infográficos jornalísticos sejam acessíveis para pessoas com deficiência visual? A partir disso foi feita uma pesquisa exploratória sobre o tema, com o objetivo de observar o que está sendo pesquisado e debatido em relação a infografia jornalística acessível para pessoas com deficiência visual. A busca foi feita no Google Acadêmico, na plataforma Scielo e nos anais da Compós (Associação Nacional dos Programas de Pós-Graduação em Comunicação). Ao pesquisar pelos termos acessibilidade, infografia, jornalismo e infográficos no Google Acadêmico foram obtidos 674 resultados, dos quais 13 foram aproveitados para construção deste resumo. No entanto, observando as quatro primeiras páginas de resultados, a predominância é de produções sobre infografia acessível para surdos. Na busca realizada na plataforma Scielo e nos anais dos quatro últimos encontros da Compós, com os mesmos termos, não foram obtidos resultados. Com base na pesquisa bibliográfica e nos materiais coletados durante a pesquisa exploratória, propomos um modelo de infográfico acessível apoiado no conceito de interatividade. Partindo para a análise dos resultados reforçamos que como pessoas com deficiência visual podem ter diferentes graus de deficiência, desde a baixa visão até a cegueira, um modelo infográfico interativo onde é possível controlar questões como tamanho, contraste de cores e fonte tipográfica seria o mais adequado. Já para pessoas com cegueira total a iniciativa é o próprio meio jornalístico propor uma audiodescrição adaptada dos dados apresentados no gráfico, com riqueza em detalhes e comparativos. Dessa forma conclui-se que abordar questões relacionadas a acessibilidade nas áreas comunicacionais, aqui especificamente o jornalismo, contribui para que todos os públicos possam consumir esse tipo de informação, pois analisar esse meio permite pensar novas possibilidades que permitam e favoreçam o consumo por parte das pessoas com deficiência

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-03-30
Como Citar
GARCIA, A.; CAROLINA ROQUE FURLANETTO, A.; ANTONIO BONITO, M. INFOGRAFIA JORNALÍSTICA ACESSÍVEL PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA VISUAL. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 11, n. 2, 30 mar. 2020.